Banner 2
Banner 2

Dicas de Saúde

Cirurgia Bariátrica, Riscos a Longo Prazo, Quais São?

Saiba Quais São os Riscos a Longo Prazo da Cirurgia Bariátrica

Avalie este post

A cirurgia bariátrica é o último passo no tratamento da obesidade.

Os médicos indicam para a cirurgia bariátrica pacientes que estão com risco muito alto de vida, por conta das complicações do diabetes e outras doenças.

Porém, para os tipos de cirurgia bariátrica existem riscos a longo prazo, mas que não são muito discutidos.

De acordo com muitos especialistas, a cirurgia bariátrica não é um procedimento 100% benéfico para os pacientes obesos e com diabetes.

Embora existam muitos resultados satisfatórios de pacientes que perderam peso em curto prazo, as complicações da cirurgia são muito graves.

Veja Também: Programa Passo a Passo SECA até 10Kg em 14 Dias. Testado e Aprovado por mais de 10.197 pessoas

Os casos de mortes durante o procedimento são poucos, porém, as complicações ao longo da vida possuem risco elevado de hemorragias, infecções, vazamentos no trato intestinal, obstrução intestinal, hérnias, úlceras, alcoolismo e síndrome de dumping gástrica.

O dumping é um problemas que pode causar incômodo que inclui náusea, fraqueza, transpiração, fragilidade e em alguns casos, diarreia após as refeições.

Isso porque acontece um rápido esvaziamento dos alimentos presentes no estômago para o intestino, podendo ser desencadeado também quando muito açúcar ou grande quantidade de alimento é ingerido.

dicasdesaude.blog.br-cirurgia-bariatrica-riscos-a-longo-prazo-quais-sao

>> Recomendamos Para Você:

 

(VÍDEO) ANTES e DEPOIS – 70 kg OFF – 1 Ano de Cirurgia Bariatrica

[videoyt]

[/videoyt]

 

(VÍDEO) Cirurgia Bariátrica – Redução do estômago – Pós operatório

[videoyt]

[/videoyt]

 

(VÍDEO) 4 Meses de Cirurgia Bariátrica – Como estou

[videoyt]

[/videoyt]

 

Cirurgia Bariátrica Riscos a Longo Prazo, Veja Quais São

risco-cirurgia-bariatrica

Existem vários riscos a longo prazo em pessoas obesas que fazem cirurgia bariátrica, independente do tipo de cirurgia, alguns são muito graves e outros mais leves. Veja os principais riscos, a lista é grande:

  • Náuseas e vômitos
  • Fístula (vazamento do conteúdo do estômago ou do intestino para a cavidade do abdômen ou pele)
  • O grampeamento do estômago leva consigo o risco de rompimento da linha do grampo, que pode resultar em vazamento e /ou infecção grave
  • Embolia pulmonar (coágulo no pulmão)
  • Infecção Pneumonia
  • Atelectasia (colabamentos da base dos pulmões)
  • Sangramentos
  • Hérnias
  • Distúrbios nutricionais
  • Alterações psicológicas
  • Como em todas as cirurgias para perda de peso, uma nova internação pode ser necessária para reposição de líquidos ou suporte nutricional, se houver vômito em excesso e a ingestão adequada de alimentos não puder ser mantida Inchaço abdominal e evacuação fétida ou gases podem ocorrer
  • Monitoramento rigoroso e vitalício quanto à má nutrição de proteína, anemia e doença óssea é recomendado.
  • Em algumas técnicas é necessário um complemento vitamínico vitalício. Em geral, observou-se que se as instruções de alimentação e complemento vitamínico não forem rigorosamente seguidas, 25% dos pacientes desenvolverão problemas que precisarão de tratamento
  • As mudanças na estrutura intestinal podem resultar no aumento do risco de formação de cálculo biliar e necessidade de remoção da vesícula biliar
  • O redirecionamento dos sucos biliares e pancreáticos, bem como de outros sucos digestivos, para fora do estômago pode causar irritação intestinal e úlceras
  • Quando o duodeno é desviado, a má absorção de ferro e cálcio pode resultar na redução do total de ferro do organismo e uma predisposição para anemia por deficiência de ferro
  • Mulheres já em risco de osteoporose, que pode ocorrer após a menopausa, devem estar conscientes do potencial para perda intensificada de cálcio no osso.
  • Pode ocorrer anemia crônica, devido à deficiência de Vitamina B12. O problema geralmente pode ser tratado suplemento de B12.
  • Risco de Morte.

Isso mesmo, o problema mais grave da cirurgia bariátrica é o risco de morte.

ATUALIZADO: 28.11.16 (INFOGRÁFICO)

medico emagecer mulher azul

 

RECOMENDAMOS PARA VOCÊ »

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.