Banner 1
Banner 1

Dicas de Saúde

Cura Hiv Ultimas Noticias – Planta Tropical Pode Ser Novo Remédio

Saiba da Cura HIV Ultimas Noticias – Uma Planta Aparece Como Nova Solução

5 (100%) 3 votes

Cura hiv ultimas noticias vão te surpreender, porque a promessa da vez parece ser uma planta tropical muito estudada por cientista mundiais.

Quem já se viu num leito de um hospital à beira da morte, quer ver um dia essa cura chegar. O maior desejo, então, é que a ciência possa descobrir a cura definitiva dessa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS).

Em 2017, cientistas se reuniram para começar a estudar uma nova chance de resolução desse problema que é epidemia em alguns países.

A AIDS, agora, pode ter um fim ou só mais uma tentativa frustrada.

Descubra exatamente o que está acontecendo no Brasil e no restante do mundo com a cura da AIDS.

AIDS. Como a Doença Evoluiu

Não é possível falar da AIDS sem lembrar do que aconteceu com ela nos últimos anos…

Em dezembro de 1977, morria a médica e pesquisadora dinamarquesa Margreth Rask que havia estado na África, pesquisando sobre o Ebola, por complicações desconhecidas e misteriosas.

Em 1982 aparecem os primeiros casos de AIDS no Brasil.

Em 1983 o pânico era mundial e por falta de conhecimento achavam que a doença poderia ser transmitida pelo ar, pelo apertar de mão, pelo beijo, pelos utensílios domésticos.

Em 1986 chegam as primeiras experiências com o uso do AZT.

Em 1987 quando a Princesa Diana abriu o primeiro hospital especializado em tratamento da AIDS na Inglaterra e apareceu apertando a mão de pessoas infectadas sem luvas, mudou atitudes preconceituosas.

Em 1988 foi instituído o dia 1 de Dezembro, como o Dia Mundial da AIDS.

Cura HIV Novos Medicamentos

Em 1994, surge um novo grupo de drogas para o tratamento da infecção. Essas drogas demonstraram potente efeito antiviral isoladamente ou em associação com drogas do grupo do AZT, o renomado ‘coquetel’.

Em 1997, os números mundiais de AIDS estavam piores do que o esperado. Registrou-se mais de 30 milhões de pessoas vivendo com HIV/AIDS e 16 mil infecções por dia.

Em 1999 o Dia Mundial da AIDS teve como tema “Você Pode Fazer um Mundo Melhor”.

O Perigo do Aumento de Infectados

Em 2000 os casos da doença começam a aumentar entre as mulheres brasileiras.

Em 2007 o Programa DST/AIDS institui o banco de dados de violações dos direitos das pessoas portadoras do HIV. Os casos de infecção pelo HIV chega a quase meio milhão.

Em 2010 é lançada a pesquisa sobre Comportamento, Atitudes e Praticas relacionadas às DST e AIDS da População Brasileira de 15 a 64 anos de idade. É lançada a campanha de carnaval de combate a AIDS e a distribuição de preservativos.

Em 2011 O Brasil anuncia a produção nacional de 2 novos medicamentos para a AIDS – Atazanavir e Rategravir, Tenofovir.

Em 2012 ocorre a campanha do tipo “Não Fique na Dúvida, Fique Sabendo” com a visibilidade de cenas reais da vida e reforça o diagnóstico precoce do HIV para controle da doença.

Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), o mundo em 2016 tinha quase 40 milhões de pessoas infectadas pelo HIV. Sendo que aproximadamente 20 milhões com acesso aos tratamentos.

Desde o inicio da epidemia na década de 80 a AIDS já provocou a morte de mais de 35 milhões de pessoas em todo o mundo. Mas os esforços de combate à doença são promissores.

Cura HIV Ultimas Noticias

Hoje, nós já temos novidades sobre uma possível forma de frear essa doença que vem crescendo em alguns países.

A semente de uma trepadeira encontrada no Nordeste, cuja proteína chama-se Puchelina e com nome científico Abrus Pulchellus Tenuiflorus.

É uma planta tóxica e sua semente se ingerida pode causar a morte. A puchelina associada aos anticorpos que foram produzidos em laboratório, foi usada em células com vírus HIV.

Esses testes estão sendo realizados no Instituto de Física da USP e detectaram que essa associação da proteína com os anticorpos identificaram somente as células doentes, não atingindo os anticorpos sadios.

Em um pequeno espaço de tempo das células com vírus apresentadas, 90% conseguiu ser eliminada pela substância.

Os atuais medicamentos para o controle do HIV eliminam apenas os vírus circulantes, sem contar que trazem variados efeitos colaterais que são capazes de provocar:

  • Vômitos;
  • Diarreias;
  • Coceiras;
  • Manchas pelo corpo.

Essa nova substância produzida na USP consegue também eliminar os vírus que ficam escondidos no sistema linfático ou entre órgãos, como intestino, coração e pulmão.

Ela é capaz de agir onde os vírus ficam hibernados longe do alcance dos remédios. A próxima fase dos testes será em macacos.

Caso continue a eficácia e também resolvido o problema da morte em ingerir a semente, a fase seguinte será testar em humanos infectados com o vírus HIV.

HIV Voltou a Crescer no Brasil (VÍDEO)

Como É Viver com HIV (VÍDEO)

Como Funciona a Medicação com HIV (VÍDEO)

Você Também Deve Gostar De:

Recomendados Para Você:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. joaquim alves dos santos disse:

    QUAL É O NOME COMUM DESTA LEGUMINOSA?

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.