Dicas de Saúde

Tratamentos Para Câncer de Ovário

Entenda como você pode enfrentar essa doença e vencer

Quais os Tratamentos Para Câncer de Ovário? O câncer de ovário é caracterizado pela mutação do DNA de uma célula saudável em uma célula não saudável, onde elas começam a se aglomerar e formar tumores que crescem numa velocidade absurdamente rápida.

Cada mulher tem um útero e dois ovários e os ovários são responsáveis pela produção de alguns hormônios femininos e pela liberação do óvulo durante o período fértil para que possa haver fecundação.

Porém, quando surge um tumor, esse processo é interrompido, levando a mulher ter um ciclo irregular. Mas, até que esse ciclo comece a parecer juntamente a outros sintomas, leva um tempo e na maioria das vezes, para perceber os sintomas, a doença está num estágio muito avançado, dificultando a cura.

Em ¾ das vezes, a doença é descoberta em estágio muito avançado, reduzindo para 36% a taxa de sobrevivência. A doença é muito recorrente em mulheres acima dos 50 anos, mas, pode acontecer a qualquer idade

O câncer de ovário é o quinto mais comum entre as mulheres, tendo apenas 5 mil casos por ano no Brasil, mas, é altamente letal. Ele é silencioso e passa despercebido. Por essa razão, a ida ao ginecologista duas vezes por ano é muito recomendada, para que ele possa ser visto e descoberto a tempo. Em estágio inicial, as chances de sobrevivência são de 90%.

tratamentos para câncer de ovário

As Causas do Câncer de Ovário

Apesar dos muitos estudos em cima da área e do câncer que chega silencioso, não se sabe as causas exatas para o surgimento da doença. O que sabemos é apenas a forma que surge o câncer e há indícios de fatores de risco para o aparecimento do câncer.

Câncer de Ovário: Fatores de Risco

  • Fatores hereditários: Se você teve alguma mulher da sua família que teve a doença, suas chances de ter aumentam.
  • Ausência de gravidez: Não ter filhos pode aumentar 40% sua chances de desenvolver o câncer.
  • Menopausa depois dos 50 anos
  • Síndrome dos ovários policísticos.
  • Tabagismo
  • Terapia hormonal para tratar os sintomas da menopausa

Mas, apesar de todos os fatores de risco, existe uma série de fatores que diminuem as suas chances de ter a doença. São eles:

Sintomas do Câncer de Ovário

Apesar de serem muito difíceis de identificar, o seu corpo começa a dar pequenos sinais de que algo está errado, por isso, é extremamente importante conhecer o seu corpo para saber o que não vai bem. Outra coisa importante é ir regularmente ao ginecologista para fazer exames periódicos para estar atento a qualquer indício de anomalias.

Entre os principais sintomas, estão:

  • Aumento do volume do abdômen
  • Dor abdominal
  • Rápida sensação de plenitude
  • Necessidade urgente de urinar ou urinar mais frequentemente do que o habitual.
  • Dor no sexo
  • Ciclos irregulares
  • Cansaço

Se você está sentindo algum desses desconfortos, procure orientação médica com um ginecologista ou oncologista.

Como Diagnosticar o Câncer de Ovário

Caso haja alguma suspeita de câncer, o médico irá pedir uma ultrassonografia para confirmar a massa tumoral e se ela existir, será realizada uma pequena cirurgia para avaliação da benignidade ou malignidade.

Ele é mandado para biópsia e caso seja confirmado que seja maligno, vão analisar qual estágio ele se encontra para começar a definir o seu tratamento.

Tratamentos Para Câncer de Ovário e Lidando Com o Diagnóstico

Assim que o resultado for concluído, o seu médico irá dizer qual melhor melhor tratamento a partir do estágio em que se encontra. Idade, saúde e se quer ou não ser mãe também influenciarão na decisão.

Cirurgia: A cirurgia é o principal tratamento. Como opção estão:

  • Histerectomia total: remove o útero e do colo do útero
  • Salpingo-ooforectomia unilateral: remove um ovário e uma trompa de Falópio
  • Salpingo-ooforectomia bilateral: remove os ovários e as duas trompas de falópio.

A remoção do útero e dos ovários pode resultar em menopausa precoce, afinal, seu corpo irá parar de produzir alguns tipos de hormônios responsáveis pela regulação dos seus ciclos.

Quimioterapia: A quimioterapia é utilizada para diminuir o crescimento do tumor ou destruí-lo em muitos casos. A quimioterapia é recomendada para a maioria dos casos após a cirurgia inicial.

Os efeitos colaterais do seu tratamento são controlados por medicamentos para cada um dos sintomas e serão recomendados pelo seu médico.

Radioterapia: A radioterapia para câncer de ovário usa raios-X de alta energia para matar células cancerosas e encolher tumores.

Para conviver melhor com o diagnóstico, é muito importante frequentar grupos de apoio, onde outras pessoas estão passando pelo mesmo problema que você. Algumas pessoas se sente muito mais confortáveis fazendo terapia, pois lá elas aprendem a lidar melhor com a doença, sintomas e o diagnóstico.

A yoga e meditação podem ajudar controlar o estresse e ansiedade gerados pelo tratamento exaustivo.

Tratamentos Para Câncer de Ovário (Vídeo)

Gostou do artigo? Leia também

Tratamentos Para Câncer de Ovário

Tratamentos Para Câncer de Ovário
5 (100%) 1 vote

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.