Vacina Contra o HPV Efeitos Colaterais

O HPV é uma doença comum e afeta muito brasileiros, é uma infecção transmitida em maioria dos casos por contato sexual.

A prevenção da doença é realizada através de sexo seguro, sempre usando preservativo e, com a vacinação contra HPV.

Como o vírus é transmitido pelo contato, o uso de preservativo no sexo vaginal, oral e anal é muito importante para prevenção e, mesmo assim se houver alguma ferida ou verruga na pessoa infeccionada, em alguma região genital e acontecer o contato, a possibilidade de contaminação é alta.

Diante disto, a vacinação como o uso de preservativo é fundamental.

Existem muitas campanhas para vacinação contra a doença. A vacinação é indicada a partir dos 9 anos de idade e seu público alvo são pré-adolescentes com 11 e 12 anos de idade.

Jovens até 26 e 27 anos de idade também recomendados a se vacinarem. Porém, a vacinação contra o HPV possui alguns efeitos colaterais.

Os efeitos colaterais mais comuns da vacina HPV transmissão incluem inchaço, vermelhidão, dor no local da injeção e dores de cabeça, embora estes efeitos tem curta duração.

Outros sintomas variam de pessoa para pessoa. Outros problemas comuns são: febre, náuseas, dolorosos braços, mãos, pernas ou pés.

Vacina contra o HPV
Vacina contra o HPV

Vacina Contra o HPV Efeitos Colaterais

Como qualquer outro tipo de vacina, os efeitos colaterais da vacina contra HPV podem durar apenas algumas horas e até um dia, porém, alguns efeitos colaterais podem permanecer por mais tempo.

Alguns outros efeitos colaterais são raros e mais perigosos, que são a restrição das vias aéreas e a dificuldade de respirar (broncoespasmo).

Outros efeitos podem acontecer em pessoas com algum tipo problema de saúde, ou mesmo por conta de interação com medicamentos para tratamento de doenças crônicas.

Confira alguns efeitos colaterais mais graves e secundários da vacina contra o HPV:

  • Hematomas ou Hemorragias
  • Calafrios
  • Desmaio ou breve perda de consciência
  • Tontura
  • Dor nas articulações
  • Dor muscular
  • Convulsões
  • Cansaço
  • Vômitos
  • Fraqueza

Além destes efeitos colaterais, a vacinação contra HPV prevenção também pode causas alergias. São casos raros, mas as reações alérgicas são possíveis.

Em casos mais graves podendo causar reações anafiláticas. Causando dificuldade de respirar, olhos, mãos e lábios inchados.

Sobre o autor deste artigo

Marcos Aurelio - Imagem do escritor do artigoRedator do site Dicas de Saúde é formado em enfermagem e trabalha com tratamento de feridas. Ama a profissão através do cuidado da saúde dos pacientes além de escrever sobre saúde e acrescentar algo na vida das pessoas.